Reduto dos Musicos

Repartição da Clarinett

O Clarinete

O Clarinete é um instrumento de tubo cilíndrico, palheta simples batente, regido pela lei acústica dos tubos fechados, possuindo uma chave que, embora denominada chave de oitava, permite dar a 12ª das notas fundamentais.

Constituído sobretudo em madeira de ébano, divide-se em cinco partes (fig.abaixo) que encaixam umas nas outras através de entalhes revestidos de cortiça: o corpo superior, que contém o mecanismo accionado pela mão esquerda; o corpo inferior, que contém o mecanismo accionado pela mão direita; o pavilhão ou campânula que está fixo na extremidade do corpo inferior; o barrilete, que prolonga o corpo superior e onde se encontra encaixada a boquilha, na qual se fixa a palheta através de uma abraçadeira (normalmente de metal).

Invenção e construção

Foi inventado na Alemanha por Johann Christoph Denner, em 1690, e introduzida na orquestra em 1750, sendo assim um dos últimos instrumentos de sopro incorporados à formação orquestral moderna.

Os clarinetes são tradicionalmente feitos de ébano ou grenadilha, sendo que as boquilhas são construídas com um material sintético chamado ebonite. O som é produzido devido à vibração da palheta (uma lâmina feita de cana), provocada pelo sopro do clarinetista. O corpo do instrumento é, em sua maior parte, de espessura uniforme, com um alargamento (campana) no fim do tubo. O sistema de chaves mais comum é o sistema Boehm, projetado por Hyacinthe Klosé. Outro sistema, chamado Oehler é usado principalmente na Alemanha e Áustria.

Deixe sua mensagem

XHTML: Você pode usar estas TAGs: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>